top of page

Como seria uma câmera profissional com a tecnologia blockchain?

A especulação já ronda as redes sociais depois da Canon anunciar o marketplace NFT





Imagine a cena. Você pega sua câmera e faz o clique. Na sequência você aperta um botão na câmera que a conecta com o smartphone para fazer em tempo real a conversão da imagem em blockchain. Imagine ainda que com a tendência da internet rápida móvel (5G) o envio das imagens, conversão em NFT e armazenagem em marketplace seja feito de forma rápida, conveniente. A vantagem de uma câmera profissional com blockchain seria de poder ter a certeza da autenticação já na câmera e na sequência disponibilizar com essa certificação.


Fotógrafos gringos nas redes sociais foram além...imaginando um modelo que tivesse criptocarteira conectada garantindo assim ainda mais segurança nas imagens.


Vale destacar que criptografia em câmera já existe. Caso deste modelo da Sony. Vale lembrar ainda que fabricantes como Leica e Nikon também estão de olho nisso.


Enquanto isso já existem smartphones com isso mais integrado. Com modelos lançados com tecnologia blockchain com criptcarteira já como parte do dispositivo.


Para que serve isso? A internet e o mundo digital nos deixaram entorpecidos...achamos que o que é digital está livre e não tem valor. A própria ideia de algo digital ser única não faz sentido para muita gente. Ainda assim, o mundo digital que avança pede autenticação, valor...mesmo sendo digital. Para qualquer negócio de fotografia isso é ainda mais importante.


Se o futuro das câmeras será dessa forma ninguém pode dizer ao certo. Até hoje não vemos câmeras conectadas diretamente na internet (embora Sony, Samsung, Canon e Nikon tenham criado atalhos neste sentido). Em tempo: a DPREview fez uma matéria recente falando do estado da indústria de câmeras. Vale a leitura >>> The state of the camera industry, according to the people who make cameras: Digital Photography Review


O fato da Canon entrar de vez com uma iniciativa para NFTs é boa notícia. Até por integrar impressão e ativos digitais únicos (Figital). Vamos ver como será o desdobramento disso para a fotografia profissional.


Em tempo: nesta segunda (17) começa Conexão NFoTo para você aprender e entrar nesta nova fase de valor da fotografia. Saiba mais e participe clicando aqui >>> Conexão NFoTo: o caminho para a nova fase de valor da fotografia



Antecipe-se a grande transformação da fotografia com a nova fase blockchain. Faça parte do NFoTo e comece a avançar nessa nova fronteira do mercado - Quero ser Membro NFoTo


Precisando acertar o seu marketing ou se reposicionar? Conheça o Plano de Marketing 2023? Eu Quero Meu Plano de Marketing


Assine a newsletter grátis Spotlink e receba as notícias desse site no seu email - Quero ficar por dentro com Spotlink - Newsletter

0 comentário
bottom of page