top of page

Que tal vestir o smartphone no pulso?

Motorola exibe conceito de celular que pode ser usado como pulseira



A Motorola apresentou uma série de novidades, literalmente, no Lenovo Tech World 2023, entre elas um conceito de tela adaptável que promete mudar a forma como as pessoas interagem com seus dispositivos.


Versatilidade é a palavra-chave desse dispositivo experimental, que permite aos usuários transformar sua tela de acordo com seus desejos e necessidades.


Na posição plana, a tela adaptável funciona como um celular Android padrão. A tela de 6,9 polegadas oferece uma experiência completa do Android, como qualquer smartphone moderno.




Como exemplo, o dispositivo flexível pode ser enrolado em torno do seu pulso, se tornando um companheiro sem as mãos semelhante a uma pulseira ou relógio inteligente.

Usando a nova ferramenta de inteligência artificial gerativa da Motorola, outra inovação apresentada na mostra, os usuários podem personalizar suas pulseiras inteligentes de acordo com seu estilo individual, tirando uma foto de seu traje atual e criando várias versões de obras de arte originais, e mudando seu visual em tempo real.




Além disso, o conceito dobrável oferece vários modos de suporte. Ele pode se sustentar em uma posição autoportante, criando um mini tripé para quem gosta de capturar fotos e vídeos em movimento. Nessa configuração, ele funciona como um celular Android mais compacto, com uma tela de 4,6 polegadas.




O design adaptável representa a próxima fase na exploração contínua da Motorola de inovações em tela e mecânica, baseando-se em seu conhecimento com tecnologia dobrável e enrolável. Embora esse conceito ainda não esteja no mercado, ele é um vislumbre tentador do futuro dos eletrônicos de consumo.





O conceito de tela adaptável da Motorola, mostra mais uma indicação da tendência de que estamos entrando em uma fase pós-smartphones, em que as câmeras e as tecnologias se tornam cada vez mais vestíveis e integradas ao nosso corpo. Isso trará implicações e mudanças nos comportamentos dos consumidores quanto à fotografia e à forma como lidamos com a tecnologia. Será que vamos preferir registrar nossos momentos com dispositivos que se moldam ao nosso estilo e personalidade, ou ainda vamos valorizar os aparelhos tradicionais que nos oferecem mais recursos e qualidade? Como a privacidade e a segurança serão afetadas por essa nova forma de interação? Essas são algumas das questões que precisam ser debatidas e exploradas nesse cenário inovador e desafiador.

Faça parte da nova fase de valor da fotografia participando do NFoTo >>> NFoTo: fotograf.IA, NFT e inovação


Que tal dar os primeiros passos com IA na Fotografia? >>> Fotograf.IA

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page