top of page

“Long Live London”: Saatchi Gallery abre as portas para a arte cripto

A arte cripto está ganhando cada vez mais espaço no mundo da arte contemporânea, e a Saatchi Gallery é uma das pioneiras em reconhecer esse fenômeno



A renomada galeria londrina está realizando sua primeira exposição de arte NFT-Crypto, chamada “Long Live London”, que vai de 4 a 6 de outubro, integrando a Focus Art Fair.

A Saatchi Gallery tem uma longa história de apoio e divulgação de artistas emergentes, desde sua fundação em 1985 por Charles Saatchi, um dos maiores colecionadores de arte do mundo. A Galeria se tornou famosa por lançar artistas que depois alcançaram fama internacional, como Damien Hirst, Tracey Emin e Banksy.


A curadoria da exposição ficou a cargo da Grida, uma curadora de arte digital que atualmente é diretora de arte da Galeria IHAM de Paris. Ela já foi responsável pela primeira exposição NFT da Coreia e pela exposição Punkism, que mostrou obras inspiradas no CryptoPunk de 100 artistas diferentes. Para Grida, levar a arte cripto para a Saatchi Gallery é um passo importante para a sua valorização e integração com a arte tradicional.

Grida escolheu o marketplace da Fundação como a plataforma digital para lançar a exposição online.


“Ela achou que seria uma ótima ideia incluir um componente digital junto com a exposição física, para mostrar a tecnologia por trás da arte”, disse Rob, gerente de parcerias da Foundation. “Eu acho que é importante que as grandes galerias de arte abracem as tecnologias cripto, porque elas são inovadoras e dão aos artistas outra forma de vender sua arte.”


As obras em exibição incluem “The Surprise” de OSF, “London Eye” de Leo Crane, “London Cipher” da ARTJEDI e “The Silent Watch” de Claire Maguire, entre outras. Cada obra tem uma ligação especial com Londres, explorando sua rica história, cultura vibrante ou monumentos icônicos, criando uma narrativa coletiva que celebra o espírito e a essência da cidade.


O artista londrino OSF contou à nft agora que está orgulhoso de fazer parte de um grupo de artistas digitais incríveis, vendo isso como um marco para a arte cripto.

“Há dois anos, depois que criei meu primeiro NFT, tirei uma foto do lado de fora da Galeria Saatchi”, disse OSF. “Nunca imaginei que teria a chance de expor uma obra aqui.”

Sua obra, “The Surprise”, é inspirada nos pubs de Londres, mostrando seu pub local favorito.


“Você só é um verdadeiro londrino se já tomou cerveja depois do trabalho em uma sexta-feira chuvosa, com cinco amigos dividindo um pacote aberto de batatas fritas com sal e vinagre, que também serve como jantar”, disse OSF.


Claire Maguire, consultora da Web3 e fã da arte digital, vai expor sua obra pela primeira vez nesta exposição, depois de “muitos anos colecionando”. Sua obra, “The Silent Watch”, mostra uma mulher elegante de vermelho com uma expressão equilibrada, mas forte.


A arte cripto na Saatchi Gallery é apenas um dos vários exemplos recentes de instituições de arte consagradas pelo tempo que estão aderindo à Web3. Neste mês, o Musée d’Orsay da França anunciou sua entrada no espaço da arte cripto com sua parceria com a Fundação Tezos. Além disso, o Museu de Arte Moderna também anunciou recentemente uma coleção de cartões postais NFT para homenagear a criatividade no blockchain.


Exposição “All-Star Collectors” Além de “Long Live London”, a Galeria realizará uma segunda exposição chamada “All-Star Collectors” no dia 7 de outubro. Os colecionadores em destaque incluem Punk6529, Vincent Van Dough, Basileus, Sebastien Borget, Seephrase e muitos outros.




A exposição também gerou polêmica nas redes sociais, pois alguns membros da comunidade criticaram a falta de diversidade entre os colecionadores em destaque, alegando que eram todos homens. Grida rebateu as críticas, citando as artistas femininas que participaram da exposição “Long Live London”. Ela também recebeu apoio de outros artistas, como Claire Silver, que afirmou que Grida sempre valorizou as mulheres, as pessoas não-binárias e as trans na arte cripto.



Faça parte da nova fase de valor da fotografia. Entre para o NFoTo e acompanhe as inovações , oportunidades, transformações e desafios do mercado >>>> NFoTo: fotograf.IA, NFT e inovação | NFoTo (enfbyleosaldanha.com)


0 comentário

Commentaires


bottom of page