top of page

Adobe vai dar suporte jurídico para quem tiver problemas com criações do Firefly


A inteligência artificial Firefly da Adobe também vem sendo usada no Photoshop. Um dos pontos fortes é que ela usa imagens do Adobe Stock, um site que oferece conteúdo licenciado e de domínio público, para criar obras originais e seguras para uso comercial.  


Além disso, o Firefly gera uma etiqueta para cada imagem, que mostra como ela foi feita, quando e com quais ferramentas. Assim, você pode conhecer melhor o processo criativo por trás da arte gerada por IA.   E se você tiver algum problema legal por usar as imagens do Firefly, não se preocupe. A Adobe se responsabiliza por resolver qualquer disputa que possa surgir. Mas atenção: essa garantia só vale para os clientes do plano Firefly for Enterprise, que tem um custo fixo para as empresas que querem usar a máquina em seus projetos.  



Segundo Andres Guadamuz, especialista em direito de propriedade intelectual da Universidade de Sussex, a Adobe tem confiança em seus dados de treinamento e acredita que não será processada por seu uso. Algo que foi destaque recente em matéria recente da Fast Company.



Lembrando que o uso de IA vem gerando disputas legais e questionamentos frequentes sobre direitos autorais. Um exemplo: pegar memes ou fotos famosos e recriar a cena expandindo com IA para mostrar uma cena completa. De quem é o direito neste caso? Embora a resposta pareça óbvia, questões como essa serão cada vez mais frequentes. De qualquer forma, a decisão da Adobe de oferecer esse suporte parece muito acertada.


Não perca a chance de se preparar para o futuro da fotografia. Junte-se ao NFoTo e tenha acesso a conteúdos exclusivos, cursos práticos e uma comunidade de fotógrafos inovadores. Clique aqui e faça parte do NFoTo agora >>> NFoTo: fotografia blockchain e inovação


0 comentário
bottom of page