Primeiro teste de lente de contato com realidade aumentada do mundo

Um teste histórico concluído pela empresa de computação invisível Mojo Vision viu o primeiro humano a testar lentes de contato de realidade aumentada.





A lente tem apenas 0,5 mm de diâmetro e traz uma tela MicroLED de 14.000 pixels por polegada, e a distância entre cada pixe é de 1,8 mícrons. Para alimentar o pequeno dispositivo, uma micro bateria (carregamento sem fio) de nível médico é usada.


A micro tela opera com o rastreamento dos movimentos dos olhos. Para alternar entre o conteúdo que está sendo visualizado, um acelerômetro, giroscópio e magnetômetro rastreiam seus olhos para detectar quais comandos você está tentando enviar para a lente. Também estabiliza a imagem à medida que seus olhos se movem.



O CEO Drew Perkins foi o cobaia do experimento e contou tudo no blog da empresa para compartilhar sua experiência. Ele observa ter sido capaz de ver imagens, ver uma bússola e ler um teleprompter que apareceu na lente.


As lentes e Perkins teve que passar por testes clínicos antes do experimento ser realizado. Com isso, não há nenhuma palavra sobre quando podemos ir até nossa loja de tecnologia local e comprar um desses para nós mesmos, como ele só foi testado em uma pessoa a partir de agora. Até lá, teremos que ficar de olho na sua libertação.



No post no blog, Perkins afirma que pessoas com deficiência visual e atletas são os dois principais grupos que a empresa está procurando mirar nessas lentes. Embora provavelmente seja feito para consumo geral, Perkins também afirma que as lentes devem ser usadas como um "assistente" ao longo do dia que solicita o foco e fornece acesso à informação.


Mojo Vision no Twitter: "Recently, the world changed a little bit when Drew Perkins wore the first feature-complete #MojoLens prototype on eye. What did he see? What’s inside the lens? What does this mean for the future of devices? Watch this 2min video to find out: https://t.co/QOZ0xTwyfC #smartcontacts https://t.co/ktkMn1sRIU" / Twitter




0 comentário