top of page

O que estou lendo: TSE define regras para o uso da IA nas eleições de 2024

Deepfakes estão proibidas, mas uso da inteligência artificial para diversas fins na campanha política estão liberados. Partidos terão que indicar claramente em imagens quando usarem a tecnologia

Essa deu nos principais sites de política e notícias desde ontem. Destaquei o Consultor Jurídico:



Partidos e candidatos nas eleições de 2024 poderão usar inteligência artificial para propaganda eleitoral. O conteúdo precisará ser rotulado para informar o eleitor e não poderá conter o uso de deep fake, conteúdo que simula digitalmente a imagem ou a voz de outras pessoas.


A limitação do uso de IA foi acertada pelo Tribunal Superior Eleitoral, que na terça-feira (27/2) aprovou alterações na Resolução 23.610/2019, que regulamenta as normas da propaganda eleitoral.


O tema foi amplamente debatido na audiência pública que o TSE promoveu por conta da atualização da normativa, em janeiro. E tem sido destacado em falas de ministros da Corte, devido aos riscos de desvirtuamento dessa tecnologia em campanhas políticas.

Em 2024, os partidos terão de rotular o uso de “conteúdo sintético multimídia” feito por inteligência artificial, para que o eleitor tenha pleno conhecimento.


A corte também impôs restrição ao uso de chatbots (assistentes virtuais usados par comunicação com o usuário) e avatares. Não será possível simular que a conversa esteja sendo travada com candidato ou outra pessoa real.


Já a vedação ao deep fake é absoluta. Trata-se da tecnologia que permite trocar o rosto de pessoas em vídeos ou suas vozes, em áudio de maneira a sincronizar movimentos para dar a impressão de que ela está realmente passando determinada mensagem ou fazendo algo.

Mesmo que a pessoa alvo do deep fake tenha autorizado esse uso, a medida está vedada. O uso dessa tecnologia levantou polêmica recentemente durante a campanha eleitoral nas eleições presidenciais argentinas.


Modernização contra a desinformação

Presidente do TSE, o ministro Alexandre de Moraes destacou a importância da regulamentação, visando o combate a desinformação e milícias digitais que poderiam atuar “anabolizadas pela inteligência artificial” em 2024.

“Venho estudando a recente legislação da União Europeia, da Austrália, do Canadá. O TSE, hoje, aprova uma das normatizações mais modernas do mundo em relação ao combate à desinformação e ao uso ilícito de inteligência artificial”, exaltou.

Segundo o presidente, essa medida permite que o TSE, os Tribunais Regionais Eleitorais e todos seus juízes tenham ferramentas eficazes e modernas para combater esse desvirtuamento nas propagandas eleitorais.



Minha visão:


Obviamente a IA será muito usada nas campanhas. Será uma forma de ajudar com textos, discursos, planejamento e marketing de conteúdo. Para vídeos e fotos certamente também terá uso constante. O custo para as campanhas será menor e pode trazer impactos para fotógrafos, videomakers e marqueteiros. Contudo, pode também ser um diferencial ao profissional oferecer IA e se mostrar como especialista combinando a tecnologia com foto real. De qualquer forma, vale atenção com as regras porque as penalidades serão grandes. Esse ano o fundo eleitoral será o maior da história para os partidos. Serão 5 bilhões de reais para o financiamento das campanhas e afins. Nas eleições norte-americanas (pré-campanha) a IA já vem sendo usada inclusive com imagens dos candidatos (fotos e vídeos) e vimos o impacto maior de uso em massa nas eleições argentinas com deepfakes simulando um dos candidatos usando drogas. Aqui podemos ver distorções, mas as regras anunciadas tendem a ajudar. Assim espero.


A propósito, dia 7/3 farei uma apresentação especial para membros Fotograf.IA. Sua chance para se conectar com essa revolução (vai esperar ser engolido por essa onda?). Saiba mais aqui >>> Fotograf.IA: comece sua (re)evolução com IA na fotografia


Faça parte do Fotograf.IA. Mais do que um ebook com grupo Vip, uma comunidade voltada para a revolução e o avanço da IA na fotografia. São mais de 16 horas de conteúdo em vídeo, ebook com 320 páginas e dois grupos com mais de 150 membros para acompanhar e interagir com IA na fotografia. Participe clicando aqui >>> Faça parte da iniciativa Fotograf.IA e turbine seu negócio e sua arte na fotografia


Quer se conectar com inovação na fotografia? Participe do grupo NFoTo >>> NFoTo: fotograf.IA, NFT e inovação


Precisando de ajuda com seu marketing na fotografia? Conheça o Novo Plano de Marketing 2024 >>> Plano de Marketing 2024 

0 comentário

Comments


bottom of page