top of page

Marketing para Fotógrafos(as): como a experiência do cliente virou um diferencial

O exemplo recente de fotógrafos com uma fabricante de câmeras é uma das formas de entender isso

Patrocínio: Alboom + Fotto



Recentemente vi uma matéria da Petapixel mostrando como determinados fotógrafos estão mais felizes com a experiência que a câmera proporciona do que com recursos. No artigo, o fotógrafo mostra que a Fujifilm com seu modelo mais recente da X100 está encantando profissionais. Não pelos megapixels, nem por foco, nem é tanto pelas funcionalidades. Mas sim pela interface, o uso e a experiência com o produto. Acredito que isso se conecta mais com branding ligado ao marketing do que qualquer outra coisa. Aliás, se quiser ler a matéria que citei sobre as câmeras está aqui >>> Petapixel


E vale esse mesmo apelo para o marketing de um fotógrafo? vale muito. Mais do que "quantidade de fotos entregue, ou tipo de álbum, ou tipo de câmera ou equipamento que você usa e pode mostrar aos seus clientes". O que quero dizer: as pessoas estão levando mais em conta como as marcas as fazem se sentir do que qualquer outra coisa. Já foi dito que se você entra em outros streamings e na Netflix você percebe a diferença na experiência. Anos na frente nesta área fizeram a Netflix criar uma experiência para quem procura os filmes e séries. A diferença é visível.


Como isso funciona na prática para um fotógrafo? Como você conduz a sessão fotográfica, o serviço em si. Como é para o cliente do momento que entra em contato até uma passadinha no site. E como a pessoa se comporta quando tem o produto nas mãos. Do álbum ao vídeo e como eles se integram. Acredite: tem gente pensando nisso e fazendo um trabalho diferenciado. E isso é parte da experiência.



O mestre do marketing mundial (Kotler) lançou livro esse ano Marketing 6.0 e ele trata justamente do valor da experiência como peça crucial no marketing e encantamento. Ele chama isso de metamarketing em algo que envolve não ter tensão para o consumidor no contato com tudo da marca do online ao presencial. As boas empresas estão reduzindo esse choque. Coisa para poucos.


Se você achou tudo isso "perfumaria" a chance é grande que a sua marca seja do tipo "mais do mesmo" e que compete na base do preço. Cuidado, porque os dias dos profissionais que conseguem se manter no mercado atuando dessa forma me parecem contados.


Se você quer refletir sobre isso a melhor dica é colocar no papel, avaliar e rever. Repensar e pesquisar como é a sua experiência no detalhe. Se tudo der certo você pode colocar seu marketing em outro nível.


E se precisar de ajuda com seu marketing conte comigo >>> Plano de Marketing 2024



0 comentário

Comments


bottom of page