top of page

Freepik compra EyeEm e amplia seu acervo de fotos

A empresa espanhola de conteúdo audiovisual adquire a plataforma alemã de fotografia, que estava em falência, e promete pagar os colaboradores


A Freepik, uma das maiores empresas de tecnologia do mundo no segmento de conteúdo audiovisual, anunciou nesta quarta-feira (13) a compra da EyeEm, uma plataforma de fotografia baseada em Berlim. A operação faz parte da estratégia de expansão internacional da Freepik, que já adquiriu outras empresas do setor, como a Videvo (Reino Unido), a Iconfinder (Dinamarca) e a Original Mockups (Colômbia).


Com a aquisição da EyeEm, a Freepik passa a ter acesso ao catálogo exclusivo de 160 milhões de fotos produzidas pela comunidade de colaboradores da EyeEm. Essas fotos se juntam aos 72 milhões de recursos audiovisuais da Freepik, que incluem vídeos, ilustrações, ícones e vetores. Além disso, a Freepik vai mudar o modelo de negócios da EyeEm, oferecendo aos clientes uma assinatura mensal com downloads ilimitados de conteúdo premium.


A EyeEm foi fundada em 2011 na Alemanha e se tornou uma referência em fotografia de qualidade. A plataforma permitia que os fotógrafos vendessem suas fotos e recebessem uma parte dos lucros. Em 2022, a EyeEm foi vendida para a empresa britânica Talenthouse, mas entrou em falência no início deste ano. Agora, sob o comando da Freepik, a EyeEm vai retomar suas atividades e reconstruir sua rede de colaboradores.


A EyeEm vai continuar operando como uma empresa independente, mas como uma subsidiária da Freepik, sua nova controladora. Nos próximos dias, a Freepik vai quitar todas as dívidas pendentes com os 140 mil colaboradores da EyeEm e garantir que eles recebam pelos seus trabalhos.




O CEO e cofundador da Freepik, Joaquin Cuenca Abela, disse que a compra da EyeEm vai fortalecer a oferta da Freepik no mercado de fotografia, onde há uma demanda crescente por imagens autênticas e diversificadas.


“Ao investir na EyeEm, estaremos apoiando sua incrível rede de colaboradores e, ao mesmo tempo, valorizando a fotografia. A partir daqui, podemos pavimentar o caminho para a recuperação e tornar o negócio sustentável. É um momento emocionante e estamos muito ansiosos para trabalhar juntos.”


O diretor administrativo da EyeEm, Peter Willert, afirmou que os colaboradores criativos sempre foram o coração da EyeEm. Agora, com o apoio da Freepik, eles terão novas oportunidades.


“Ao combinar forças, nossa comunidade não apenas sobreviverá, mas prosperará, pois poderemos nos concentrar novamente em fornecer imagens originais e exclusivas para clientes em todo o mundo.”


Assine (grátis) a melhor e mais completa newsletter sobre o

mundo da fotografia >>> Spotlink - Newsletter


0 comentário
bottom of page