BeReal e o valor do real no marketing da fotografia

O app que segue crescendo lá fora pode nos inspirar em ações mais voltadas para o autêntico





BeReal é um app francês que cresceu muito nos últimos tempos. E a adesão das pessoas (muitas bem jovens) é de um cansaço com o Instagram, vídeos rápidos e a cultura do espetáculo e da superexposição. No BeReal não tem curadoria, você posta só 1 foto por dia e não tem filtros. O Instagram até imitou uma função do BeReal (de usar as duas câmeras, frontal e de selfie, ao mesmo tempo).


O que o BeReal nos ensina é que existe espaço para propostas únicas de valor. De encaixar uma oferta com posicionamento com base no que os concorrentes estão fazendo. No caso do BeReal, de aparecer para quem importa (poucos e bons). Ou seja, para amigos de verdade e familiares. A tendência do real já é forte entre fabricantes de cosméticos e até na moda. As pessoas estão cada vez mais exaustas do mundo perfeitinho?


Para fotógrafos(as) e negócios de foto é a chance de aproveitar essa onda? talvez, mas certamente de repensarmos as estratégias de aparecer o máximo possível e fazer de tudo para ter alcance.


O que tirar da situação com o Insta? O que no passado funcionou vai seguir funcionando? Pois se lembrarmos bem, o Instagram copiou o Snap com o Stories e deu muito certo. Agora o IG tentava desesperadamente virar um novo TikTok, mas parece que isso começou a ter um efeito reverso considerável. Tanto é verdade que o Insta pausou as mudanças. Ainda assim, o CEO disse que vídeo é o futuro porque eles veem os dados mostrarem isso. Então como é que celebridades e super influenciadores estavam tão irritados com as mudanças?


Copiar é do jogo, sobretudo em um mercado que vive da reprodução como o da fotografia. O problema não é só copiar...o desafio é não esquecer da essência. No caso do Instagram a marca perdeu sua identidade. No caso do BeReal não é sobre ser famoso ou curadoria de uma vida perfeita. Alguém arrisca qual é o propósito do Insta hoje? Parece mais sobre ser o que está bombando no momento...


Marketing autêntico é tendência já tem alguns anos. De sermos reais, vulneráveis e especialmente conectados com aquilo que nos move de verdade. E você? está mais para BeReal ou para Insta?

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo