top of page

Nova ferramenta de inteligência artificial da Adobe impressiona ao gerar imagens a partir de texto



A Adobe surpreendeu os participantes da Config 2023, evento da Figma em São Francisco, ao revelar um de seus ‘Sneaks’ - recursos experimentais que podem vir a ser lançados no futuro - com antecedência. Normalmente, essas prévias são reservadas para a conferência MAX da própria Adobe, que acontece em outubro.


A inteligência artificial tem sido um dos focos da empresa em 2023, com o lançamento de seu modelo generativo próprio, Firefly, em março. O Firefly vem trazendo novas funcionalidades para programas como Photoshop e Illustrator - e uma delas é a ferramenta Gingerbread, que promete revolucionar a geração de imagens a partir de texto.





Com o Projeto Gingerbread, o usuário pode mudar a aparência e a perspectiva dos objetos usando modelos 3D (Crédito da imagem: Future) Gingerbread é um recurso em fase de testes que permite ao usuário, por meio da modelagem 3D, mudar o ângulo e a perspectiva de uma imagem criada a partir de um texto. “A inteligência artificial costuma colocar as coisas no meio da imagem”, explicou Brooke Hopper, designer principal de design emergente na Adobe. “Mas e se eu quiser criar uma composição diferente?”


O que chama a atenção nessa prévia é o elemento de controle estético que ela oferece ao processo de geração de imagens com inteligência artificial. Atualmente, os usuários dependem da especificidade dos textos que escrevem, mas Gingerbread indica um nível mais criativo de customização, permitindo que os usuários usem uma forma 3D simples para definir a aparência dos objetos na imagem resultante.


Ainda não se sabe quando (ou se) Gingerbread será disponibilizado, mas é uma amostra instigante do futuro do texto para imagem. Enquanto isso, na Adobe MAX do ano passado, a empresa teve uma mensagem relevante para os artistas que temem o avanço da inteligência artificial.


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page