PhotoVogue apresenta a coleção de residência PhotoVogue NFT

São 82 artistas dentro da iniciativa. Um espaço da Vogue para os talentos emergentes usando a tecnologia NFT para impulsionar a nova fase da fotografia na Web3





Alguns meses atrás a PhotoVogue anunciou a parceira com a Voice, plataforma NFT e do mercado de arte digital (carbono neutro) que é focada em artistas emergentes. A primeira incursão da PhotoVogue na Web3 mostra-se promissora. A iniciativa acaba de lançar e anunciar as coleções lançadas pelos residentes selecionados. Mintadas na Voice.com, as coleções de alto nível reúnem os trabalhos de 82 artistas de vários países e diferentes culturas. Todas são únicas, mas com uma conexão, todas tem um elo que equidade e justiça. Contra impactos ambientais e a vulnerabilidade social e todas a favor de diversidade, inclusão e identidade.


O tema da primeira fase envolveu a criação de projetos justamente sobre igualdade e justiça. "Todos os dias ouvimos alguém dizendo que a fotografia está morrendo. Bem, estou convencido de que, em vez disso, a fotografia está muito viva, e embora esteja adquirindo novas funções e significado, seu poder e magia nunca deixarão de existir", disse Alessia Galviano, curadora do PhotoVogue na publicação no portal da iniciativa.





"Os limites intrínsecos à fotografia tornam-se pontos fortes: quadros suspensos entre um antes e depois, narrativas que, como Gregory Crewdson me disse uma vez, existem no momento entre os momentos." Para mim, isso é profundo, e bonito, a qualidade aberta da imagem parada que permite ao espectador experimentá-la de forma pessoal – de uma forma que ressoa no contexto de sua própria experiência do mundo. NFTs e blockchain potencialmente apresentam um mundo totalmente novo para que toda essa magia se desenvolva e para os fotógrafos se expressarem."


Nas últimas oito semanas, os fotógrafos do programa de residência Voice x PhotoVogue NFT confrontaram as questões mais urgentes da Web3 e o que significa ser fotógrafo nesta era digital. Em uma oficina, os fotógrafos aprenderam sobre a tecnologia blockchain. Na seguinte, debateram a natureza especulativa do mercado de NFT. Em outro, os artistas quebraram suas suposições sobre o que é um NFT e perceberam que não precisam sacrificar ou comprometer sua voz artística para criar NFTs.


"Os NFTs tornam a arte digital verdadeiramente colecionável pela primeira vez em nossa história. A parceria entre Voice e PhotoVogue marca o início de uma grande transição no espaço da fotografia — onde a fotografia digital é verdadeiramente colecionável e os fotógrafos podem provar a propriedade e vender continuamente seu trabalho", disse Eliza Fish, diretora de voz de Parcerias & Relações com Artistas.


Os interessados podem visitar as coleções e comprar as obras com cartão de crédito sem a necessidade de ter criptomoedas. Conheça os artistas e explore as coleções aqui.


Participe da nova fase de valor da fotografia - Veja também >>> NFT para Fotógrafos(as). Última turma de 2022 e conheça a comunidade NFoTo


0 comentário