O vencedor do Oscar Anthony Hopkins vende coleção de NFTs em poucos minutos

Batizada de "The Eternal Collection", coleção reuniu obras de arte NFT inspiradas na marcante carreira do ator





Ontem (13), o ator Anthony Hopkins vendeu sua coleção de estreia com obras NFT em 7 minutos. Lançada na plataforma OpenSea, a coleção é uma série de mais de 1.000 obras de arte originais inspiradas na carreira de décadas do ator em Hollywood, com acenos visuais às suas performances em filmes como Silêncios dos Inocentes, na qual venceu o Oscar pelo papel de Hannibal Lecter. Outras obras mostraram participações variadas como no caso da séries de TV Westworld.





A coleção vem de uma colaboração com a Orange Comet Inc., uma agência de design focada em NFT e Web3, com sede em LA, cujos co-fundadores incluem o produtor de Hollywood Dave Broome, o ex-jogador da NFL Kurt Warner, e os músicos Gloria e Emilio Estefan. O lançamento foi cercado por alguns problemas técnicos, no entanto, e foi adiado em mais de 45 minutos devido a problemas relacionados à "alta demanda".





As peças, com nomes como "O Eterno", "O Bobo da Corte" e "O Amante", foram criadas como forma de dar um estilo conceitual "uma interpretação dos vastos arquétipos de personagem que Sir Anthony Hopkins retratou" em sua carreira de acordo com a divulgação do projeto.





Além de possuir uma obra de arte digital, os compradores também estão dispostos a receber a chance de acumular algumas vantagens do mundo real, incluindo um brunch um-a-um com Hopkins, impressões físicas autografadas da obra de arte, e clipes de áudio de Hopkins discutindo os significados por trás dos vários arquétipos.


"Entrar no espaço da NFT é como estar na lua, admirando as dimensões ilimitadas da tecnologia e da arte", disse ele em um post no Twitter.

Hopkins também é pintor e em 2021 um dos seus filmes foi lançado no formato NFT.


Dia 18/10 tem Criptofotografia para Fotógrafos(as). Participe clicando aqui: Fotografia NFT na Prática


Participe da nova fase de valor da fotografia entrando para o grupo NFoTo.

0 comentário