top of page

Marketing para fotógrafos: como encontrar sua identidade e boas referências





Você já se perguntou qual é a sua identidade como fotógrafo? Você sabe qual é o seu estilo, o seu diferencial, o seu público-alvo? Se você respondeu não a alguma dessas perguntas, não se preocupe. Muitos fotógrafos passam por esse dilema, especialmente no início da carreira. Mas isso não significa que você deva ficar parado esperando a resposta cair do céu. Pelo contrário, você deve buscar boas referências que te inspirem e te ajudem a definir a sua identidade como profissional.


Mas o que são boas referências? São aquelas que têm a ver com o seu gosto pessoal, com o seu nicho de atuação, com o seu público-alvo e com as tendências do mercado. Por exemplo, se você é um fotógrafo de casamentos, você pode se inspirar em outros profissionais que se destacam nessa área, observando como eles usam a luz, as cores, os ângulos, as poses, as histórias etc. Você também pode pesquisar sobre as preferências dos noivos, os estilos de cerimônia, os locais mais procurados, as novidades do segmento etc.


Mas cuidado: buscar referências não significa copiar ou imitar o que os outros fazem. Isso pode até funcionar por um tempo, mas não vai te trazer uma identidade própria nem uma vantagem competitiva no mercado. O que você deve fazer é filtrar as referências que mais te agradam e adaptá-las ao seu contexto, ao seu propósito e à sua personalidade. Assim, você vai criar um trabalho original e autêntico, que vai refletir quem você é e o que você quer transmitir com a sua fotografia.


Importante: alguns profissionais que são referência tanto em casamento quanto outros nichos buscam referências fora do seus segmentos. Isso também faz todo sentido. Se inspirar e estudar em outros assuntos pode tornar a sua fotografia ainda mais rica. Quais assuntos? literatura, biografias, filmes, séries, exposições, viagens, arquitetura e por aí vai. Aliás, não é para menos a frase de Ansel Adams de que você não fotografa com sua câmera "mas com todas as suas viagens, livros e com tudo a sua cultura".





E como encontrar essas referências? Bom, hoje em dia existem muitas fontes de informação e inspiração disponíveis na internet e fora dela. Você pode acompanhar blogs, sites, revistas, livros, podcasts, vídeos, cursos etc. que falem sobre fotografia e marketing. Você também pode participar de eventos, feiras, exposições, workshops etc. que reúnam outros profissionais e experts da área. Você também pode seguir nas redes sociais os fotógrafos que você admira e interagir com eles.


Mas lembre-se: não basta apenas consumir conteúdo. Você precisa colocar em prática o que aprende e testar o que funciona para você. Você precisa experimentar diferentes técnicas, ferramentas, formatos e abordagens até encontrar o seu jeito de fazer as coisas. Você precisa medir os resultados das suas ações e ajustar o que for necessário. Você precisa estar sempre atento às mudanças do mercado e às necessidades dos seus clientes.


O que a identidade na fotografia tem a ver com marketing? Tudo. Afinal, uma foto com assinatura visual é uma grife e tem seu valor na divulgação. Aliás, provavelmente é o marketing mais sofisticado que existe. Quando uma foto é reconhecida e inspira a todos.





Enfim, encontrar a sua identidade como fotógrafo é um processo contínuo e dinâmico, que exige dedicação, estudo e criatividade. Mas vale a pena investir nisso, pois é assim que você vai se diferenciar da concorrência e conquistar a confiança e a fidelidade do seu público. E é assim que você vai transformar a sua paixão pela fotografia em um negócio rentável e sustentável.


Espero que esse conteúdo tenha sido útil para você.




O prazer de não ter que te vender nada. Coloco essa frase para você porque vi outro dia e achei relevante. Eu tenho produtos e soluções para te ajudar no marketing da fotografia. Confira abaixo. Mas se você não quiser gastar nada basta entrar no site do Sebrae local que tem bastante conteúdo grátis para você começar agora. E no fim, não estou te vendendo, mas sim é você quem estará comprando :-)


Para quem quer estudar marketing >>> ebooks - Marketing


Para quem quer um Plano de Marketing na Fotografia e colocar a mão na massa >>> Plano de Marketing 2023


Para quem quer uma mentoria com Plano de Marketing >>> Plano de Marketing Premium


Para quem quer entrar na nova fase de valor da fotografia >>> NFoTo: fotografia blockchain e inovação




0 comentário

Comments


bottom of page