Marketing é sobre começar...

Assim como a fotografia é sobre praticar, não é diferente quando o assunto é atrair e manter clientes





O autor Seth Godin é considerado um dos grandes nomes do marketing mundial. Ele sempre diz em seus conteúdos: "você não aprender a andar de bicicleta lendo um livro ou fazendo um curso". O que ele quer dizer é simples: você tem que praticar, errar e o quanto antes começar (e cair) mais chances de aprender e acertar o caminho. Aliás, recomendo o livro dele "Isso é Marketing" (tem na Amazon). Pois bem, quem começa e treina entender onde errou e como pode evoluir. O caso clássico do jogador Nadal, ícone do tênis, é a melhor definição de errar para aprender. Ele perdia tanto quando começou para entender exatamente o que precisava melhorar. E o resto é história. A questão é entender o que está errado e como ajustar.


O problema com as fórmulas prontas é que a dinâmica do mercado muda. O Instagram muda toda a semana...então como aplicar regras prontas?


A alternativa é saber quem é você de fato, o que sua marca representa e o que quer mostrar e atingir. E entender que não vai ser um jogo de resultados rápidos. Algo que nesta cultura do imediato...é complicado demais.


Não vou passar regras prontas para você. Espero que você pratique o marketing como pratica a fotografia. Mas olhe para dentro antes de buscar respostas mirabolantes no mercado. Existem sim as bases e pilares. Marketing é sobre posicionamento de mercado, seu público, seus concorrentes, seu produto, a divulgação, presença e preço. Recentemente publiquei aqui no blog que branding também é tão importante quanto o marketing. Pois é sua marca e o que ela gera de percepções nas pessoas. O exercício do marketing, branding e dos negócios é dinâmico e só vai evoluir se você parar, pensar e praticar. E depois fazer tudo isso de novo com ajustes.


E se você não começar? ou se não continuar? O risco é de ficar sem aparecer e de não entender o que precisa melhorar. O risco é de contar com indicações e com a sorte. O risco é de concorrentes testarem, praticarem e você ficar parado. O risco de não começar ou continuar é de ficar de fora desse negócio.

0 comentário